FullBanner Desktop
FullBanner Mobile

SOBRE A EUCATEX

História

Com uma história que ultrapassa seis décadas, a Eucatex exibe a maturidade de um grupo que soube ajustar as suas linhas de produtos e responder às novas exigências do consumidor brasileiro, tanto no seu jeito de morar como nas diferentes maneiras de pensar o ambiente de trabalho.
O Grupo se mantém como um dos maiores produtores de pisos, divisórias, portas, painéis MDP e MDF, chapas de fibras de madeira e tintas e vernizes do Brasil. Com mais de dois mil funcionários, exporta para 40 países e possui seis modernas fábricas, localizadas em Botucatu e Salto, cidades do interior do Estado de São Paulo, e Cabo de Santo Agostinho, no estado de Pernambuco.
Os pisos laminados e vinílicos, as portas, divisórias, os painéis MDF e MDP, as chapas de fibras de madeira, chapas T-HDF, as linhas de tintas imobiliárias e complementos, têm portfólios em constante evolução, com aplicação de avançadas tecnologias.
Genuinamente brasileiro, o Grupo Eucatex é um dos únicos do mercado a apresentar uma ampla variedade de itens para a construção civil, indústria moveleira e revenda madeireira. Sempre preocupado com o consumidor e com o meio ambiente, é conhecido por desenvolver produtos que oferecem opções práticas e criativas, a partir de pesquisas, com tecnologia de ponta e respeito ao meio ambiente.
A companhia soube acompanhar as demandas de um novo tempo: foi pioneira, na América Latina, em instalar uma Linha de Reciclagem de Madeira; possui há mais de 20 anos, os Certificados FSC® (Forest Stewardship Council ®) de Manejo Florestal (FSC-C005495) e de Cadeia de Custódia (FSC-C019524), já que trabalha com madeira produzida a partir de fontes responsáveis; tem uma Unidade Florestal, com Viveiro de Mudas, que há 15 anos possui a Certificação ISO 14001, e o Programa de Educação Ambiental Casa da Natureza, que há mais de uma década se volta à conscientização de crianças em idade escolar da região de Bofete, estado de São Paulo, para as questões relacionadas ao ao meio ambiente e à cidadania.

A partir de 1990

Com a inauguração de mais uma fábrica em Salto, no ano de 1994, a Eucatex passou a desenvolver em seus laboratórios uma linha completa de tintas e vernizes sob a marca Tintas Eucatex. Foi também no interior de São Paulo, em Botucatu, que iniciou, em junho de 1996, a fabricação de painéis MDP. A produção de pisos laminados teve início em 1998.
Ainda em 1996, o manejo florestal da Eucatex recebeu o reconhecimento internacional por meio da obtenção da certificação FSC®, tornando-se também a primeira empresa brasileira do seu setor a receber a certificação ISO 9001.
O Programa de Educação Ambiental Casa da Natureza nasce em 1999 com a proposta de atender, principalmente, educadores e alunos das escolas da rede pública da região de Bofete/SP. Ao completar 10 anos, em 2016, o programa já contabilizava mais de 20 mil visitas. O objetivo é o de disseminar conceitos sobre a preservação do meio ambiente e a importância do manejo correto das florestas plantadas.

O pioneirismo da Eucatex se faz mais uma vez presente com a instalação, em 2004, da primeira Linha de Reciclagem de Madeira, em Salto/SP, para processamento de material captado por meio do Programa de Reciclagem de Madeira, que consiste em recolher resíduos de madeira gerados por outras empresas, num raio de até 100 km, que são selecionados, limpos e transformados em cavaco, sendo 100 % do material utilizado para geração de energia consumida por unidades fabris do Grupo.
Em 2010, a nova linha T-HDF/MDF, instalada na planta de Salto, deu início à produção de chapas e painéis de alta tecnologia e resistência mecânica para a fabricação de portas e painéis de divisórias.
O Grupo se mantém como um dos maiores produtores de pisos, divisórias, portas, painéis MDP e MDF, chapas de fibras de madeira e tintas e vernizes do Brasil. Com mais de dois mil funcionários, exporta para 40 países e possui seis modernas fábricas, localizadas em Botucatu e Salto, cidades do interior do Estado de São Paulo, e Cabo de Santo Agostinho, no estado de Pernambuco.
Mais uma planta das Tintas Eucatex, a Eucatex Nordeste foi inaugurada em abril de 2017 em Cabo de Santo Agostinho, região metropolitana do Recife, Pernambuco, para abastecer toda a região Nordeste e os estados de Roraima e Amazonas, no Norte do país.
Em 2018, a Eucatex adquiriu novas linhas de chapas finas de fibra de madeira, em Botucatu, passando a contar com seis unidades fabris.

1966-1989

Do final dos anos 60 até 1980, a Eucatex inaugurou uma nova fábrica de chapa dura, em Salto, e a Unidade Metálica, em Barueri (SP). Ampliando seus planos de expansão, abriu escritórios na Holanda, nos Estados Unidos e no México.
Foi também nesse período que a empresa começou a produzir tintas, inicialmente apenas para pintura de suas chapas e forros acústicos, e a investir em terras e reflorestamento para garantir a autossuficiência do abastecimento de matéria-prima.
A Eucatex encerrou a década de 80 exportando seus produtos para 50 países e com áreas produtivas divididas em 4 categorias: Florestal, Madeira, Metálica e Mineral.

1951-1965

No dia 23 de novembro de 1951 nascia a Eucatex: primeira empresa brasileira a pensar em conforto ambiental e acústico e a usar o eucalipto como matéria-prima para a produção de chapas e painéis. O embrião da Eucatex foi a Serraria Americana, instalada em 1923, em São Paulo.
A primeira fábrica, hoje conhecida como Unidade Chapas, foi inaugurada em Salto (SP), em 1954. Ali a Eucatex iniciou suas atividades produzindo forros acústicos e chapas soft de fibras de madeira. Pouco depois passou a fabricar chapas isolantes e acústicas.
Entre 1956 e 1965, a empresa instalou escritórios de representação em várias capitais brasileiras e em Buenos Aires (Argentina).
A capacidade de produção aumentou para 100 toneladas/dia. Em 1965 começou a exportar para a Europa.